Pensando no bem estar dos pacientes portadores de hipertensão arterial sistêmica, a equipe da Unidade Básica de Saúde Nenê Moraes, sob a coordenação da Enfermeira Suellen Karoline, em parceria com o NASF e Coordenação da Farmácia Básica do Município de Capinzal do Norte, realizou ontem o encontro “EU SOU 12 POR 8, na Igreja Batista Ágape de Capinzal.

O encontro contou com os profissionais Kaiulany Amorim (Nutricionista), Evellin Abreu (Fisioterapeuta), Douglas Nascimento (Farmacêutico), Danielle Sousa (Profissional de Educação Física) e Dr. José Neto (Médico da Unidade), além dos agentes comunitários de saúde e técnicos de enfermagem. Cada profissional teve a oportunidade de conversar com o público e tirar dúvidas a cerca dos cuidados necessários para prevenir complicações decorrentes do descontrole da pressão arterial sistêmica.

A hipertensão arterial ou pressão alta acontece quando os valores das pressões máxima e mínima são iguais ou ultrapassam os 140/90 mmHg (ou 14 por 9), com isso o coração tem que exercer um esforço maior do que o normal para fazer com que o sangue seja distribuído corretamente no corpo. A pressão alta é um dos principais fatores de risco para a ocorrência de acidente vascular cerebral, enfarte, aneurisma arterial e insuficiência renal e cardíaca e tende a aumentar com a idade, chegando, em 2017, a 60,9% entre os adultos com 65 anos e mais, segundo o Ministério da Saúde.
O evento faz parte das ações do PRO EPS-SUS – Programa para o Fortalecimento das Práticas de Educação em Saúde, que consiste no desenvolvimento de atividades para estimular, acompanhar e fortalecer a qualificação profissional dos trabalhadores da área da saúde para a transformação das práticas de saúde, em direção ao atendimento dos princípios fundamentais do SUS, a partir da realidade local e da análise coletiva dos processos de trabalho.

Com ampla participação dos pacientes que residem na Avenida Cônego Alteredo, no Centro, e nos bairros Piçarra, Residencial Miranda e outros que pertencem à área de atendimento da unidade referida, a Enfermeira Suellen Karoline conta que se sente muito feliz porque os pacientes gostam de ir para as atividades desse tipo, que reúne os vários profissionais da saúde, porque eles aprendem o que devem fazer para se cuidar. Além de perguntas sobre os medicamentos que tem que tomar diariamente, eles aprendem exercícios simples que podem ser feito em casa e quais os alimentos podem ajudar a controlar a pressão, comenta.

A mesma ainda agradece toda a estrutura que o secretário de saúde Abnadar e o Prefeito André Portela sempre disponibilizam para estas ações, demonstrando o compromisso em cuidar da saúde da população, além do Pr Claudio pela disponibilização do espaço da Igreja Batista Ágape

POR: Assessoria de Comunicação – ASCOM